Que desenvolvimento sustentável quer dizer


a ligação a ligado a ligante

 

pont-panta

O conceito de sustentabilidade abre um novo campo de estudo: a ligação o ligado o ligante. Ele introduz então um novo objeto de ciência e induz simultaneamente a idéia de limites ao desenvolvimento aquelas que a manutenção do vínculo organiza e requer. Ele convida a reconsiderar as divisões disciplinares, a ideia dominante da especialização do trabalho, as compartimentações dos conhecimentos e a predominância verticalités organizacionais. Ele impõe de se distanciar do individualismo metodológico, dos insolamentos econômicos e das intimidações disciplinares para reconstruir, dentro da transdisciplinaridade, o conceito de desenvolvimento e poder religar a ética, a política e a ciência. Ler mais

 

O clima, uma nova ciência humana ? 

The Climate, a new human science ?

El Clima, una nueva ciencia humana ?
Le climat, une nouvelle science humaine ?


EL NIÑO : Tensões entre forcas "naturais" e
 forças "antrópicas"

Localizado no Pacífico tropical, na sequência dos processos interativos locais naturais entre o oceano ea atmosfera e influenciando, através de pontes aéreas, as regiões exteriores ao Pacífico tropical, El Niño é um fenômeno climático global e local. Seu impacto mundial o que faz com que as suas origens e seu previsão são desafios epistêmica, éticos e práticos. indissociavelmente ligado a uma componente antrópica que altera as interações naturais entre as diferentes componentes do clima, o destino da ciência climática poderia ser dependente da sua capacidade de incorporar conceitualmente no  seu objeto a incerteza e a complexidade  que o componente humano acrescenta ao sistema natural. Esta ciência pode, portanto, dependem de sua capacidade de prestar atenção às suas articulações interdisciplinares, de estimular a cultura científica transversal e de permitir aos cidadãos em contribuir para a criação desta cultura. Ler mais em francês.

EL NIÑO : Tensions entre forces "naturelles" et forces "anthropiques" 
EL NIÑO : Tensions beetwen "natural" forces and "anthropic" forces
EL NIÑO : tensiones entre fuerzas "naturales" y fuerzas "antrópicas"

 
 

Um fiscalidade para a sustentabilidade 

A model fiscal for Sustaintability


Une fiscalité pour la durabilité
Un fiscalidad para la sustentabilidad

Eco-imposição do capital poluente, isenção fiscal do emprego

Após recordar a condição de aplicação prática da sustentabilidade, da construção de uma eco-economia ligações, este trabalho apresenta um modelo de estratégia fiscal para o emprego, para o meio ambiente e para o equilíbrio das contas sociais permitindo ao Estado  induzir as empresas a investir com eficiência, equidade e menor custo para os recursos  públicos nas trajetorias tecnológicas de sustentabilidade.
Ao substituir a parte das contribuições sociais pagas pelo empregador por um eco imposto sobre o capital poluente, a  deformação da funçao de produção, provocada por uma fiscalidade direta favorável ao capital nao poluente e ao trabalho, permite a proteção preventiva da natureza e da saude, aumenta o volume do emprego e eleva o poder de compra dos consumidores medido em produtos sustentaveis. A fixação conjunta e combinada da taxa de contribuiçoes sociais e da taxa de eco-imposto pode garantir a estabilidade global dos preços e a neutralidade orçamental dos efeitos da reforma fiscal. Ler mais.

To clean up capital and free employment
Eco-imposition du capital polluant et défiscalisation de l’emploi
Desfiscalización del empleo y eco-imposición del capital contaminante
Эко-налогообложение капитала, загрязняющего окружающую среду и снижение налогов на труд 

Uma Seleção de programas

Mapa das Inovações Sustentáveis
da Economia Solidaria
 
na América do Sul 

 

 

Você é ator da Economia Solidaria? 
Se sim, gostaria de descrever sua experiência e aparecer sobre o mapa : Cliquar aqui

Sao interessados pela economia solidaria ? 
Se quiser contribuir para a realização do Programa ESSAS ou interagir com ele ou implementar um projecto de economia solidário : Cliquar aqui 

A Juventude da Guiné Pelo  Clima 
 
Jeunes de Guinée.Youth of Guinea. 
Jóvenes de Guinea.
   

 

   Microprojetos educationais
para a Sustentabilidade

Micro-projects for Sustaintability
Micro projets pour la durabilité
Micro proyectos para la Sustentabilidad

Uma Seleção de videos

Trailer

 
 

Trabalhar lindo para o novo luar: O filme sobre a economlia solidaria e o imaginario da sustentabilidade na America do Sur

Um músico e poeta, cuja inspiração se alimenta da natureza, da sensibilidade feminina e das esperanças daqueles que lutam para viver prestando atenção ao meio ambiente e aos valores humanos, procura terminar canção que ele apresentará na ocasião do concerto para o meio ambiente na capital brasileira do Pantanal, Corumbá, fronteiriça da Bolívia. As criatividades sociais de culturas populares locais que o compositor descobre no Brasil e na Bolivia, ecoando ao seu imaginário, vai reforçar sua convicção que o conceito de sustentabilidade é feminino. Ao redescobrir em Bolivia as figuras andinas da união entre a terra e a mulher, que remonta as culturas indigenas, e entrevendo a mulher como a mão da terra e a mão do tempo, a inspiração do artista se liberta : é possível de ” trabalhar lindo para o novo luar “, sentido da palavra “desenvolvimento” em quíchua e nome da uma nova canção.

Travailler joli pour le nouveau clair de lune
Lovely working for the new moonlight
Trabajar bonito par el nuevo claro de luna

Sustentabilidade 3.0: a economia das eco-ligações

A economia de eco-ligações entende os residuos de uma atividade como um recurso para uma outra atividade, produz bens cujos resíduos são reutilizáveis, feche as zonas de aprovisionamento e zonas de "desaprovisionamento".  Esta economia forma  territórios de eco-redes e eco-redes de territóriosa, põe em anel o ciclo económico global, fabrica bens intensivos em inteligência humana, cooperações e empregos locais e transforma o produto em serviço local.
Favorecendo a qualidade da informação e a produtividade de recursos naturais sobre isso do trabalhoo, ela requer a isenção tributária do emprego, a eco-imposição do capital não sustentável e a tributação das importações das bens poluentes  que abundam um fundo para a sustentabilidade mundial . Fazendo prevalecer a qualidade da informação e a produtividade dos recursos naturais sobre a do trabalho, requer défiscalisation do emprego, a eco imposição do capital não sustentavel e a tributação das importações de bens poluentes oferecendo uma fonte de financiamento à sustentabilidade mundial.
O vídeo está disponível em francês.

Economie des écoliaisons : Durabilité 3.0 
Ecolinks Economics: Sustaintability 3.0
Economía de los Ecoenlaces: Sustentabilidad 3.0

 


Zero Déchets, un objectif inconcevable ?

Zero Desperdicio, un objectivo inconcebile?
Zero Waste, one inconceivable aim?

 


Documentário em Francês. Duraçao :  52 min.
Direção : Coralie Chardonnet

com a colaboração cientifico de Léo Dayan
Montagem : Gaël Cathou
Música Original : Julien Dayan
Produção: Wapiti Productions Renaud de Saint Mars

Uma Seleção de publicações